Já ouviu falar da Brazil Conference?

A Brazil Conference surgiu em 2015, no aniversário de 30 anos da democracia brasileira, a partir de uma vontade que alunos brasileiros das universidade vizinhas Harvard e MIT tinham de levar para esses grandes centros intelectuais as discussões sobre como solucionar os principais problemas do Brasil. A conferência é organizada por estudantes das duas universidades, entre eles Larissa Maranhão e Renan Ferreirinha, bolsistas da Fundação Estudar.


Em vez de criticar, por que não discutir e propor soluções para os principais problemas do Brasil? Essa é a ideia da Brazil Conference at Harvad & MIT.


Em abril de 2016, foi realizada a segunda edição da Brazil Conference at Harvard and MIT, iniciativa dos estudantes brasileiros dessas duas instituições.O tema central foi a busca de soluções para diversos problemas encontrados atualmente no Brasil.


Com o objetivo de aproximar ainda mais as discussões à realidade brasileira, de envolver alunos de graduação no Brasil nos debates da Conferência, e de criar embaixadores jovens que instigarão discussões em universidades no Brasil sobre as ideias e os temas lá discutidos, a Conferência deste ano contará com uma novidade: o Programa de Embaixadores da Brazil Conference.


O Programa de Embaixadores da Brazil Conference de 2016 selecionou (três) estudantes da graduação de universidades públicas ou privadas brasileiras, que tiverão sua ida ao Brazil Conference (que se realizou na Universidade de Harvard, nos Estados Unidos) custeada pela organização do evento, nos termos deste edital. O pesquisador Jim Collins (autor do clássico dos negócios empresas feitas para vencer) conversava com Jorge Paulo Lemann sobre os desafios que o Brasil tinha, sendo um deles a grande desigualdade, o mesmo considera esse o principal empecilho ao progresso brasileiro. E também revelou estar bastante confiante no poder da juventude para melhorar o país, sendo essa a segunda Brazil Conference, em formato de palestras e fórum de debates.


Alguns dos empreendedores da Geekie foram conferir o que estava aconteçendo na Brazil conference 2016, que discutiu o empreendorismo no Brasil.


Claudio Sassaki: no dia 22 e 23 de abril, teve uma oportunidade de participar da Brazil conference, evento realizado em Boston, pela universidade Havard e o Massachusetts isntitute of Techonology (MIT). O evento tinha como proposta discutir o futuro do Brasil e seu papel no mundo, então, era coerente que o empreendorismo ganhasse grande espaço na discussão.


No palco estavam nomes relevantes desse contexto, como Jorge Paulo Leman e Albílio Diniz; na platéia , uma geração seduzida pela proposta do evento: ''encontrar caminhos e promover ações que resolvessem os problemas mais urgentes do país e que o impedem de atingir uma posição de destaque no cenário global''.


O assunto foi feito em torno de quatro eixos:" melhorar a vida das pessoas";indentificar o papel do Brasil na agenda internacional"; "construir as instituições de base para esse desnvolvimento" e "inovação, criatividade , e tecnologia para melhoria da realidade da população".


Empreendemos a Gekkie com a função de contribuir para a resposta de um desafio público: democratizar a educação de qualidade. Se admitimos que duas pessoas não aprendem do mesmo jeito, então porque acreditamosque é suficiente ensinarmos todos da mesma forma? É desse questionamento que surge a ideia para a criação de nossas plataformas de ensino personalizado, que, em muitos casos, já tem sido um diferencial para um aluno de Ensino Médio entrar ou não na universidade – uma instituição que apenas na última década começou a se popularizar no país.


A Geekie ajuda a resolver um problema latente na educação brasileira? Sim. Resolve todos eles? É claro que não. Melhorar a educação não é uma missão individual, até por que é pesada demais para que uma única iniciativa a carregue; mas, principalmente, porque existem vários caminhos possíveis.


Este ano ocorreu em 7 e 8 de abril de 2017 um fim de semana em que o Brasil esteve no centro das atenções de duas das melhores universidades do mundo: Harvard e MIT. Em sua terceira edição, a Brazil Conference 2017 reuniu intelectuais e personalidades brasileiros e internacionais e discutiram os principais desafios do Brasil.


O tema da edição deste ano foi “Diálogos que Conectam”, e o objetivo é “desmistificas polos opostos”. Representando bem esta polarização, personalidades como a ex-presidente Dilma Rousseff e o juiz Sérgio Moro estão entre os entrevistados. Além deles, nomes como Marina Silva, Wagner Moura, Gilberto Gil e Luiza Trajano também compõem a lista de mais de 100 palestrantes foram convidados.


O evento tem formato de palestras e fórum de debates. Uma das falas de abertura da conferência foi do professor de Harvard Dan Shapiro, embaixador dos Estados Unidos em Israel no governo Barack Obama, com o tema oportuno:”Como criar pontes entre pessoas com diferentes perspectivas?”.


No encerramento teve uma entrevista feita por Nitin Nohria, reitor da Harvard Business School, com Jorge Paulo Lemann, fundador da 3G Capital e um dos empresários mais respeitados do Brasil.


As palestras e mesas redondas foram transmitidas ao vivo na página da Brazil Conference no Facebook. Os ingressos para o evento se esgotaram rapidamente.

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

7ª JORNADA DA COMUNICAÇÃO -  APP CAMPINAS

11/09/2017

1/4
Please reload

Posts Recentes

25/09/2019

25/09/2019

Please reload

Arquivo