Pra você que gosta de produções audiovisuais, conheça três dos melhores editores de vídeo.

May 30, 2017

Os profissionais de publicidade e propaganda convivem com uma das mais difíceis missões, a de convencer as pessoas. Para que seu trabalho seja reconhecido ele deve impactar o maior numero de pessoas.

 

Para ajudar nesse trabalho nada melhor do que produções áudio visuais, “uma imagem vale mais que mil palavras”. Para auxiliar nesse processo nada melhor que o uso de bons programas.

Quando falamos de vídeo, grande parte de um bom resultado na edição vem do talento e da técnica do editor. Porém, possuir a ferramenta correta é extremamente importante e contribui diretamente no resultado final. Diante tantas opções que existem hoje, separamos 3 editores para apresentar a vocês.

 

Adobe Premiere Pro

 

Assim como é impossível falar de editores gratuitos sem citar o Windows Live Movie Maker e o Lightworks, é completamente impensável não falar sobre o Premiere em uma seleção de softwares pagos para edição de vídeo.

 

Ele possui todas as ferramentas necessárias para corte, montagem, ajuste de trilha, edição simplificada de áudio, criação de efeitos e muito mais. A sua interface é bastante intuitiva e os comandos “conversam” com os outros softwares da gigante Adobe.

 

Outro ponto positivo do Premiere Pro é a total integração com o Abobe After Effects, um dos softwares de pós-produção mais completos disponíveis atualmente, formando uma dupla que é utilizada por profissionais como David Fincher, no seu filme mais recente “A Rede Social”, que foi editado com o Adobe Premiere Pro e finalizado com o After Effects.

 

Sony Vegas Movie Studio

 

Bastante utilizado por usuários avançados, o Vegas não chega a ser uma ferramenta superprofissional, porém, é capaz de fazer ótimos vídeos nas mãos de bons editores. Ele permite a edição não linear dos materiais brutos, utilizando várias camadas de som e imagem, o que ajuda na composição final.

 

Os atalhos do mouse e teclado são ótimos para ajudar o editor no trabalho, agilizando a edição e economizando tempo. O preço é, quem sabe, a maior vantagem do Sony Vegas, já que ele (sem softwares adicionais) custa aproximadamente cinco vezes menos do que a suíte de edição e tratamento de vídeo da Adobe.

 

Corel VideoStudio Pro

 

Outra alternativa paga e semiprofissional é o Corel VideoStudio Pro. O seu foco é nas pequenas e médias agências e produtoras, que não precisam de um software como o Adobe Premiere Pro, porém querem ferramentas completas para a criação de vídeos simples.

 

A sua aparência é bastante parecida com os outros dois editores pagos já citados, contanto com uma timeline, um gerenciador de mídias, uma caixa com efeitos de transição e filtros, botões para as suas principais funções etc...

 

A edição também é não-linear e conta com várias camadas de vídeo e áudio, sendo possível a sobreposição delas para a criação de efeitos especiais. Nem todos os filtros são realmente úteis, porém, isso não diminui a importância desse editor. O preço é muito menor do que os outros editores pagos, o que também pode contar a favor dele.

 

E para vocês, alunos de Publicidade e Propaganda, fiquem espertos, o pessoal do estúdio oferece curso de edição do Adobe Premiere nas férias.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

7ª JORNADA DA COMUNICAÇÃO -  APP CAMPINAS

11/09/2017

1/4
Please reload

Posts Recentes

25/09/2019

25/09/2019

Please reload

Arquivo