• Evelyn Silva

Publicar meu livro sem editora?


O sonho de todo escritor é com toda certeza ter a sua obra publicada, mas o caminho até a publicação não é tão fácil, uma das maiores dificuldades é a de encontrar uma editora disposta a publicar o seu livro. Isso pode fazer com que muitos escritores desistam da tão sonhada publicação, porém existe uma outra opção, a publicação independente. Para saber um pouco mais do processo para a publicação independente, procuramos a autora Jessica Batista que está indo para o segundo livro publicado de maneira independente.

A Jessica Batista tem 29 anos, atualmente mora na cidade de Nova Iguaçu no Rio de Janeiro, ela nos conta que escreve desde 2015 e que inicialmente escrevia apenas por satisfação pessoal. Mas que posteriormente resolveu postar suas histórias em plataformas online e gratuitas como Wattpad e Social Spirit. Apenas em 2019, quatro anos depois, tomou a iniciativa de publicar as suas histórias em formato de livro; físico e digital. Sua primeira publicação foi do livro Classe 309 em 2020. A autora nos conta que chegou a procurar editoras para publicar suas histórias e nos conta quais foram as dificuldades:


Depois de falar com editoras, o que fez você optar pela publicação independente?

“As editoras não ofereceram propostas satisfatórias. Basicamente queriam me cobrar valores altos por serviços que eu mesma conseguiria executar, além de oferecerem um baixo retorno dos lucros. No final das contas acabei achando a publicação independente muita mais lucrativa em diversas questões. De forma independente ofereço um atendimento humanizado aos meus leitores, pois a venda é executada diretamente comigo. Consigo estar mais próxima a eles; interagindo e criando um vínculo terno entre autor x leitor. Acho essa proximidade muito importante e especial. Por fim, ainda faço parte de cada etapa do processo de criação e produção dos livros. Tudo sai ao meu modo e no final é muito gratificante!”


Você teve medo desse processo?

“Medo não seria a palavra. Mas tive receios. Sempre bate aquela preocupação de algo dar errado ou não sair conforme o planejado.”


Foi um investimento caro?

“Relativamente, sim. Pois é preciso investir em bons profissionais, pagar o registro que garante nossos direitos autorais, solicitar ISBN (International Standard Book Number/ Padrão Internacional de Numeração de Livro), além de custo com materiais e transporte dos livros.”



Qual foi o processo para a publicação? E quanto tempo levou?

“O tempo gasto no processo de publicação é bastante relativo, pois depende de diversos fatores. Se a sua obra é longa e se você quer uma capa ilustrada, por exemplo, levará muito mais tempo que um livro de poucas páginas e capa pré pronta. Também devemos levar em consideração o tempo de produção de cada profissional envolvido.

O processo para publicação é relativamente simples, mas exige muita atenção, dedicação e uma boa escolha de profissionais. Primeiro você precisa concluir a história, editá-la, revisá-la (você mesma ou um revisor, caso possa pagar por um) e em seguida eu aconselho que faça o registro da obra na Biblioteca Nacional para garantir seus direitos autorais. Feito isso, o segundo passo é a elaboração da capa e a diagramação do seu livro. São essas duas etapas que darão identidade à história. Com o livro editado, revisado, registrado, diagramado e com capa, a última etapa é solicitar um orçamento na gráfica de sua preferência. É nessa hora que o autor escolhe o tipo de papel do miolo e as características da capa (se terá laminação brilho ou fosca, por exemplo).”


Valeu a pena? Você teve o retorno que esperava?

“Sim, valeu super a pena. Ter publicado minhas obras é uma das maiores satisfações que atribui na vida. É incrível poder ver os meus livros chegando na casa das pessoas e adquirindo um cantinho na prateleira e na vida delas. Eu me atrevo a dizer que tive até um retorno maior do que esperava. A procura pelos livros é imensa e eu nunca imaginei que alcançaria o interesse de tantas pessoas.”



Chegamos à conclusão que a publicação independente não é um tabu como tantos imaginam, e que todo o seu processo apesar trabalhoso, também pode ser divertido. Questionamos a autora sobre qual mensagem ela deixaria para quem quer publicar o seu livro independente, segue a resposta da mesma:

“Se é a sua grande vontade e o seu sonho, vai em frente. Acredite no seu trabalho, confie no seu potencial e arrisque-se. A coragem não é ausência de medo, pelo contrário, a coragem é quando enfrentamos nossos receios porque sabemos que existe algo muito importante pra nós logo além.”

Atualmente Jessica está em processo para a publicação do seu segundo livro físico: As cores do Amor, em paralelo continua utilizando as plataformas do Wattpad e Social Spirit para publicar sua nova história intitulada de Itinerário do Tempo, que com apenas 12 capítulos já tem diversos pedidos para que após o seu desfecho seja publicada como um livro físico. Vocês podem encontrar todas as informações sobre os livros da autora através do seu Instagram @autorajessxwp.



Para saber mais como montar uma pauta:

MODELO DE PAUTA
.docx
DOCX • 21KB


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square